Ooops, exagerei!

momento2

Sim, a gente é do tipo que curte ficar louco. Só que às vezes a gente exagera. E se quando você era adolescente isso era fofo, hoje é cafona. Por isso, seguem diquinhas do que fazer quando você realizar que, ooops, passou do ponto.

Primeiro de tudo, parabéns. Ter ciência que você exagerou ao invés de continuar bebendo todas até cair no baixo Augusta e acordar com um vira lata lambendo a sua cara, é o primeiro sinal de que você não é um caso perdido.

Realizado seu estado, a próxima coisa é uma saída estratégica. Sim. Vazar, sumir, riscar o chão. Ah, você estava paquerando alguém? Colega, nada mais broxante que bêbado tentando sensualizar. Aceita! Suma e se desculpe no outro dia. Melhor um mistério no ar do que seu almoço low carbs no chão.

Dica importantíssima, evite deitar. Deitar louco é tipo tomar a pílula vermelha da Matrix. Tudo vai girar e você pode sair dessa dimensão. De repente, até acordar numa sala escura com um negão que tem pouquíssimas chances de se chamar Morpheus.

Por fim, peça uma coca. A preta colega, a de tomar. Sim, a gente sabe que Coca-cola arrasa a dieta, mas cura que é uma beleza. Também serve água. Que no caso dos meus amigos, funciona muito melhor na cara do que na boca.

Por fim, repita o mantra: não vou beber tipo adolescente de novo, não vou beber tipo adolescente de novo… Não que a gente acredite nisso, mas ajuda a manter o foco até o táxi chegar em casa. Depois é só se jogar na cama. E claro, torcer pra não aparecer tagueado numa foto queima filme no dia seguinte.

Anúncios

6 Respostas to “Ooops, exagerei!”

  1. Lucas T. (@lucas_thomps) Says:

    Passei por isso Sábado passado. Usei Ketamina pela terceira vez e acabei deliberadamente exagerando. Festa insuportável. Teria pedido uma Coca-cola se tivesse capacidade mental/física/psicológica. Acabei sentando num sofá com uma mulher que havia bebido apenas vinho, mas estava em condições piores do que eu. E eu só conseguia pensar: entendo porque o Michael Jackson se viciou em Propofol, mas thanks but no thanks.

    hahaha esse post é pra vc… ó, eu gosto mto dessas festas, mas o sensation parei de ir ano passado. fui, achei já ruizinho, gte feia festa flop, esse ano nem cogitei ir

  2. autor Says:

    que bom que voltou!

    😉 vou tentar postar com regularidade de novo

    tava mei sem inspiração. mas o verão na eur me motivou haha brinqs

  3. autor Says:

    pior é ficar lembrando do que aconteceu, em conta-gotas

    outrascronicas.wordpress.com

    eu não esqueço na-da … o que pode ser uma maldição rsrs

  4. Alex Says:

    Dizem que a outra coca, é, a branca, corta o efeito do alcool na hora. Tipo ‘tiro’ e queda, mesmo! Pra quem já se aventurou pelas nevascas da vida, essa informação confere?

    me-nor-i-de-ia do que vc está falando (colou?? rs)

  5. Ju Says:

    tava com saudades das suas postagens!!
    sempre passo por aqui…
    esses posts deviam virar série, quem sabe um versão (mais) gay de sex and city!!! hahaha
    bjo

    hahaha adorei a ideia

  6. Rafael Paschoal Says:

    Depois de uma noite onde misturei absinto, gin, red bull, doritos e um baseado inteiro, minha vida mudou.
    Foi tudo tão horroroso quando precisei colocar pra fora, que eu fiquei instantaneamente sóbrio.
    Agora fico só na cervejinha e no engov, pra sair bunito na fita.

    quenooonca não é mesmo? rs

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: