Como ser celeb na web

celeb

Depois de passar meu reveillon aturando ouvindo os amigos #instastuds nas areias de Ipanema, que, entre uma bebida diet, light ou sem lactose, me agraciavam com seus conhecimentos sobre a vida (cof cof) decidi criar um guia de como você, cidadão comum, também pode se tornar uma celeb na web. Pega seu iphone, prepara o duckface e vem comigo:

• A primeira regra pra você virar um sucesso na web é: imagem é tudo. A segunda regra pra você virar um sucesso na web é: imagem é tudo. Isso significa postar fotos do seu melhor (??) nem que pra isso você precise da ajuda de um app editor, que, como eu ouvi, aumenta mas não inventa.

• Segunda regra, tire fotos com pessoas bonitas. Seus amigos não são bonitos? Tudo bem. Nem você é bonito? Tudo ótimo. Apele pro instrutor da gym, pra mocinha da venda, o importante é tirar fotos felizes com quem é.

• Poste coisas que mostrem que você é inteligente. Mesmo que você não saiba quem foi Mandela. Na dúvida, pegue qualquer link do hypeness.com, compartilhe, diga que você curte demais aquilo e bingo.

• Fotos de viagem são hit e mostram que você é viajado e culto. Se em 2013 você não foi nem até o Guarujá, use o truque da foto de um lugar incrível (Tailândia teve muita saída) + mensagem filosófica.

• Regra pra vida: nu sempre dá ibope. Fotos mostrando “sem querer” o abdômen, ou na piscina, ou na praia, são sinônimos de likes, adds, comments e cutuques. Se você não tá em boa forma, evite e foque no rostinho. Se você não tiver nem um nem outro, aí colega, faça como eu e deixe o assunto para os iniciados.

• Por fim, compre um buldogue francês e poste muitas fotos fofas com seu novo amiguinho. Seus pontos na escala da celebridade online vão subir vertiginosamente. Depois que passar a moda e você já tiver atingido seus cobiçados 1K no Insta, você vê o que faz com o bichinho.

PS: Se quiser deixa comigo, eu ganho um cachorro e você fica livre pra sua próxima meta em busca da fama online.

Anúncios

6 Respostas to “Como ser celeb na web”

  1. bennythedog Says:

    No lies detected. {;

    nop

  2. OutrasCronicas Says:

    hahah pura verdade

    baseado (oi?) em fatos reais

  3. R. Says:

    Sempre ácido! Sempre inteligentíssimo!!

    🙂 thnks

  4. Felipe Pontes Says:

    ahuauhahauhauhuah… Como ser fútil, vazio e inserido no meio. Poxa ‘não sei seu nome’ rs… esqueceu do look; É preciso andar sempre arrumado, estiloso, caso contrário seus selfies não bombam. hahahaha Vc é foda mlk! p.s: não achei nenhuma página no face, tem?

    hahaha vlw 😉 sobre página no face, não tenho não. não tenho volume de escritas pra isso

  5. Rodrigo Ortega Vieira Says:

    Acho que essa necessidade de auto-exposição reflete o vazio existencial contemporâneo, uma vez que esperamos reconhecimento do outro para reafirmar a nossa existência. Você tem blogs há uns 12 anos, certo? Talvez tenha percebido e passado por todas essas necessidades de uma outra maneira.

    a transição é igual para todos e cada um absorve diferente. no entanto, a espera pelo reconhecimento é imutável. todos nós fazemos isso, conscientes ou não.

  6. Junnior Crema Says:

    E que nunca nos falte o supérfluo…tim-tim!

    o melhor comment rs tim tim

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: